trending Market Intelligence /marketintelligence/en/news-insights/trending/iz-BmttHmq8sLNENPoFQmw2 content esgSubNav
In This List

Banco do Brasil pretende encerrar parceria com Correios

Blog

Banking Essentials Newsletter: October Edition

Blog

Banking Essentials Newsletter: September Edition, Part - 2

Case Study

A Prestigious Global Business School Gains a Competitive Edge

Video

S&P Capital IQ Pro | Unrivaled Sector Coverage


Banco do Brasil pretende encerrar parceria com Correios

* A parceria entre o Banco do Brasil SA e o serviço postal brasileiro Correios, que presta serviços bancários através do Banco Postal, deve ser encerrada em 2016, informou O Estado de S. Paulo, citando fontes anônimas. O Banco do Brasil não considera a parceria vantajosa, tendo em vista o atual cenário econômico adverso do país e mudanças no comportamento do consumidor devido aos avanços dos serviços bancários via Internet.

MÉXICO E AMÉRICA CENTRAL

* A Fitch Ratings removeu a nota de crédito nacional de longo prazo AA+(pan) da seguradora panamenha Seguros Banistmo SA devido à sua fusão jurídica com a Seguros Suramericana.

* A S&P Global Ratings reviu sua perspectiva para o Banco Centroamericano de Integración Económica de estável para positiva. A mudança reflete as iniciativas recentes do banco para expandir sua base de associados, aumentar seu capital integralizado e reduzir a concentração de países em sua carteira de crédito.

* O Banregio Grupo Financiero SAB de CV firmou uma parceria para compartilhamento de caixas eletrônicos que já inclui o Scotiabank Inverlat SA Institución de Banca Múltiple, o Banco Inbursa SA Institución de Banca Múltiple Grupo Financiero Inbursa e o Banco del Bajío SA, informou o El Economista. Os clientes de qualquer um dos quatro bancos podem usar os caixas eletrônicos dos demais sem a cobrança de taxas. 

* A carteira de crédito total dos seis bancos de desenvolvimento mexicanos cresceu 18,2% no primeiro trimestre no comparativo anual, informou o El Economista, citando a comissão nacional de bancos e valores do México, CNBV.

BRASIL

* A demanda por crédito ao consumidor no Brasil cresceu 2,1% em junho em relação ao mês anterior e 3,2% no primeiro semestre no comparativo anual, segundo dados da empresa de pesquisa de crédito Serasa Experian. Dados da Boa Vista SCPC mostraram que o índice de inadimplência do consumidor no país registrou um crescimento anual de 2,8% no primeiro semestre.

* O Banco do Brasil SA disse que uma oferta de compra na qual a instituição comprou de volta 199,9 milhões de dólares de seus títulos perpétuos com cupom de 9,25% terá um impacto positivo de 54 milhões de reais, livres de impostos, nos resultados do banco no segundo trimestre. O programa de recompra foi encerrado no dia 8 de julho.

* A S&P Global Ratings rebaixou de BB para BB- e de brA+ para brA- as notas em escala global de longo prazo e em escala nacional, respectivamente, do Banco do Estado do Rio Grande do Sul SA. A S&P também removeu as notas do CreditWatch Negativo da instituição, já que a perspectiva foi estabelecida como negativa.

* Em números ajustados pela inflação, os bancos brasileiros cortaram em 9,1% os empréstimos a produtores rurais para o ano da safra que começou em julho, informou a Bloomberg News, citando o Ministério da Agricultura do país.

* Nos 12 meses que antecederam março, o volume de resseguros transferido para seguradoras brasileiras, bruto de comissão, alcançou 7,4 bilhões de reais, um aumento de 10,5% em relação aos 6,7 bilhões de reais registrado no período de 12 meses até março de 2015, segundo o relatório do mercado brasileiro de resseguros, Terra Report.

* A seguradora brasileira Porto Seguro S.A. entrou em território inexplorado com a abertura de uma administradora de ativos chamada Porto Seguro Capital, informou o Valor Econômico. A Porto Seguro Capital planeja investir incialmente em ações.

* O Banco do Brasil SA disse que Osmar Dias renunciou ao cargo de vice-presidente de operações de agronegócios por razões pessoais, informou o Valor Econômico. Ele será substituído interinamente por Antônio Maurício Maurano, vice-presidente do segmento de atacado do banco.

REGIÃO ANDINA

* O presidente venezuelano Nicolas Maduro disse que, "sem qualquer aviso", o Citibank NA do Citigroup Inc. encerrará as contas do Banco Central De Venezuela e do Bank of Venezuela em 30 dias. O governo da Venezuela dependia das operações de câmbio do Citibank devido aos rígidos controles cambiais estabelecidos desde 2003, informou a Reuters. 

* O presidente eleito no Peru Pedro, Pablo Kuczynski, disse que Julio Velarde continuará no comando do Banco Central de Reserva del Perú por outro mandato de cinco anos, informou a Reuters. Kuczynski assumirá o governo no dia 28 de julho.

* O Grupo Aval Acciones y Valores SA disse que recebeu 98.00 bilhões de pesos colombianos em empréstimos do afiliado Banco de Bogotá SA desde 3 de maio. Os empréstimos foram obtidos sob condições de mercado, com um prazo de vencimento de dois anos.

* A Bolsa de Valores de Lima SA disse que registrou um aporte de capital de 110,6 milhões de soles peruanos, aumentando seu capital para 182,1 milhões de soles, informou a Reuters.

* O governo da Colômbia aprovou uma lei abolindo um requisito que exigia que clientes bancários mantivessem um saldo mínimo em suas contas de poupança, informou o La República.

CONE SUL

* O Banco Santander Río SA anuciou a abertura de uma nova filial na cidade de Santo Tomé na província argentina de Santa Fe.

* O governo chileno rebaixou sua estimativa para o crescimento do PIB em 2016 de 2% para 1,75%, informou a Bloomberg News. O déficit fiscal deve aumentar de 2,2% do PIB, no ano passado, para 3,2% em 2016. O governo está pensando em usar um fundo soberano para cobrir parte dos seus custos em 2017.

* A Moody's confirmou as notas de crédito Aa3 para emissor e título não segurado sênior do Chile e manteve uma perspectiva estável. A ação reflete a avaliação da agência de que o país permanece com uma forte posição fiscal, apesar de aumentos em seus principais índices de dívida pública e de um enfraquecimento da economia.

* Vinte executivos do banco francês BNP Paribas SA na Argentina foram indiciados por acusações de lavagem de 1 bilhão de dólares em paraísos fiscais ou contas no exterior, informou o El Economista, citando uma declaração do governo argentino.

PANORAMA DA AMÉRICA LATINA

* Segundo a Moody's, o impacto direto da decisão do Reino Unido de abandonar a União Europeia sobre as economias latino-americanas será mínimo devido à baixa interação comercial da região com o país e a UE. A agência observou que entre os países latino-americanos, somente Chile, Colômbia, México e Peru têm acordos de livre comércio com a UE. 

* A S&P Global Ratings disse em um relatório que prevê que as condições de credito na América Latina permanecerão fracas em 2016 devido, em grande parte, à recessão crônica no Brasil e aos baixos preços das commodities, informou o Valor Econômico. A agência de classificação de crédito acredita que o PIB da região deve sofrer uma contração de 0,9% em 2016.

A S&P Global Inc. adquire S&P Ratings e Global Market Intelligence

Paula Mejía contribuiu para esse artigo.

The Daily Dose tem um prazo editorial de 8:00 am horário de São Paulo, e verifica as fontes de notícias publicadas em inglês, português e espanhol. Alguns links externos podem exigir uma assinatura.